Tag Archiv: embraer

Jato Phenom liberado para voos nas Filipinas

Jato PhenomO jato Phenom 300 da Embraer recebeu certificação da CAAP (Civil Aviation Authority of the Philippines). Tal documento, concedida pelas Filipinas, abre caminho para as vendas na região e início de operação de voos, assim como já acontece em cerca de 40 outros países.

“O Phenom 300 é um jato sofisticado que foi projetado para máxima utilização por isso é extremamente eficiente para as necessidades das corporações e dos homens de negócios das Filipinas, onde a conectividade entre as ilhas do país e da região Ásia-Pacífico é otimizada por meio da utilização de jatos executivos. A certificação reflete nosso compromisso em disponibilizar os melhores produtos em todos os mercados, contribuindo para o crescimento local e regional da aviação executiva.” Explicou José Eduardo Costas, Diretor de Marketing e Vendas da Embraer – Ásia-Pacífico, Aviação Executiva, ao destacar o interesse de executivos e empresas de linhas aéreas na aeronave.

A aeronave é um projeto 100% original da indústria aeronáutica brasileira, contando com a vantagem do conceito fuselagem de perfil oval, que resulta em mais espaço interno para ombros, cabeças e pés de seus usuários durante os voos. É um avião bimotor executivo de médio porte e alta performance, com motorização turbofan e capacidade para transportar confortavelmente sete ou oito passageiros em voos interestaduais e internacionais. A sua fabricação iniciou-se em 2010 pela Embraer – Empresa Brasileira de Aeronáutica, que já acumulou centenas de pedidos para compra da aeronave, vindo de clientes particulares, empresas de linhas aéreas, governos, dentre outros clientes.

Jato Phenom

Legacy 450 começa a ser fabricado

Legacy 450 No dia 13 de agosto de 2012, na cidade de São José dos Campos, cidade do estado de São Paulo, a Embraer atingiu um importante marco na sua história ao fabricar a primeira peça do Legacy 450, um jato executivo da categoria mid-light, iniciando assim a fabricação do primeiro protótipo que será testado futuramente em voos, para só então passar a ser produzido e comercializado para empresas de linhas aéreas parceiras da gigante do setor aeronáutico mundial.

Ernest Edwards, Vice-Presidente da Embraer – Aviação Executiva comentou: “Enquanto avançamos com o Legacy 500, aguardávamos este momento para o Legacy 450 (…) O corte da primeira peça para o Legacy 450 é um marco importante para o programa de desenvolvimento destes dois jatos revolucionários.”

A primeira peça a ser desenvolvida foi um componente da fuselagem dianteira, usinado de um bloco de liga de alumínio por uma máquina de cinco eixos, de alto desempenho. Totalmente automatizado, o processo extraiu os dados diretamente de uma maquete digital do Legacy 450, jato que terá voos com 4.260 km de alcance, fator importante para as linhas aéreas que irão utilizá-lo. O Legacy 450 foi projetado com o software CATIA V5, o mais moderno programa de engenharia.

Todo o planejamento de produção para a aeronave executiva foi simulado virtualmente por software de manufatura digital. A fabricação da primeira peça acontece após a conclusão da Fase de Definição Conjunta da aeronave. A Fase de Projeto Detalhado e Certificação está em curso e as Revisões Críticas do Projeto estão programadas para serem concluídas no final de agosto.

Os sistemas da Aeronave já passaram por mais de 8000 horas de testes, sendo que 2500 horas foram realizadas no Iron Bird, uma bancada de testes para integração de sistemas, usada pela engenharia da Embraer para garantir perfeita harmonia entre todos os sistemas vitais da aeronave e seu bom desempenho e confiabilidade durante os voos a serem realizados por empresas de linhas aéreas.

Legacy 450

Acordo de cooperação assinado entre Embraer e Boeing

Embraer e BoeingAs duas maiores empresas aeroespaciais do mundo, Embraer e Boeing, firmaram recentemente um acordo importante para aumentar a eficiência operacional, produtividade, segurança e atingir maior satisfação dos clientes, criando assim maior valor para ambas e seus consumidores, empresas de linhas aéreas.

O acordo foi assinado na última segunda-feira, dia 9 de Abril, por Frederico Curado, presidente e CEO da Embraer S.A., e Jim Albaugh, presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes, durante a visita da presidente Dilma Roussef aos Estados Unidos, em seguida à reunião anual do Fórum Brasil Estados Unidos de CEOs, uma parceria público-privada que reúne diretores executivos dos dois países.

As empresas, que fornecem aeronaves para as mais importantes linhas aéreas do mundo, firmam acordo que irá organizar diversas áreas de cooperação, em recursos para aeronaves comerciais para a melhoria de segurança e eficiência durante os voos, pesquisa, tecnologia e biocumbustíveis direcionados à uma aviação mais sustentável.

Albaugh destaca que a parceria entre os dois líderes do mercado aerospacial oferece oportunidades reais para as empresas de linhas aéreas e demais clientes reduzirem os ses custos operacionais e melhorarem a eficiência dos voos de suas frotas, finalizando: “Estamos trabalhando com a Embraer para contribuir com o crescimento da nossa indústria, construindo uma relação produtiva que vai beneficiar nossas empresas e países”. A Boeing mantém parceria com o Brasil desde 1932 quando forneceu caças ao exército e em 2011 abriu escritório no país. Já a Embraer possui presença corporativa em solo norte americano há três décadas e no ano passado começou a fabricar jatos executivos na Flórida.

X